Tenho dito à laranjeira

Tenho dito à laranjeira
Pr’a que não dê mais flores
Posso passar sem laranjas
Como passo sem amores.

O meu amor está doente
Num leito de laranjeira
Nosso Senhor o visite
Eu não posso inda que queira.

Toma lá esta laranja
Que inda ontem foi colhida;
Quem te dá esta laranja
Dá-te mesmo a própria vida.

FXAO/RCA