Adeus carvalho landreiro

Adeus carvalho landreiro,
No terreiro da devesa.
Cuidei que me não deixavas
Com tamanha ligeireza…

Fernando de Castro Pires de Lima,
Cantares do Minho. Porto: Portucalense Editora, 1942
Vol. 2, p.12